Ministro do STF inclui Bolsonaro como investigado no inquérito das fake news após ataque às urnas

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, determinou a inclusão do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) como investigado no inquérito que apura a divulgação de informações falsas, conhecido popularmente como caso das fake news.


A decisão do ministro, tomada nesta quarta-feira, atende ao pedido aprovado por unanimidade pelos ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Na avaliação do TSE, na "live" realizada na última quinta-feira em que prometeu apresentar provas de fraudes nas eleições, mas não fez, Bolsonaro teve "possível conduta criminosa". O presidente também vem ameaçando a realização das eleições caso o voto impresso não seja implementado.

Fonte: O Dia




5 visualizações0 comentário