Fabricantes da Covaxin afirmaram que a vacina apresenta 78% de eficácia segundo dados preliminares

Os fabricantes da vacina Covaxin afirmaram a partir de estudos de fase 3, que o imunizante contra a covid-19 apresenta 78% de eficácia em geral, segundo dados preliminares, com 100% de eficácia para evitar casos graves da doença. O estudo de fase 3 envolveu 25.800 participantes entre 18 e 98 anos, incluindo 10% acima dos 60 anos, com a análise sendo conduzida 14 dias após a segunda dose.


O resultado preliminar apontou que a Covaxin teve impacto na redução de hospitalização por covid-19 e sugere que provoca diminuição da transmissão. A Covaxin é a única vacina contra a covid-19 desenvolvida internamente na Índia e mais de 60 países já demonstraram interesse em adquirir o imunizante, incluindo o Brasil.


O governo federal, já comprou 20 milhões de doses desta vacina, por cerca de US$ 14 cada unidade. No total, o negócio é de R$ 1,6 bilhão, mas o pagamento só será feito após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberar o uso do produto, o que ainda não ocorreu.

Fonte: Estadão





9 visualizações0 comentário