Bolsonaro sanciona lei que amplia doenças identificadas pelo teste do pezinho

O presidente Jair Bolsonaro sancionou o projeto de lei que amplia o número de doenças detectáveis no teste do pezinho realizado em recém-nascidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS).


O teste, que atualmente identifica seis doenças, passará a identificar até 50 enfermidades e condições hereditárias que podem prejudicar o desenvolvimento das crianças se não forem identificadas nos primeiros dias de vida.


Entre as enfermidades que passarão a ser detectadas estão diversas doenças raras.

O SUS tem o prazo de um ano para implementar o teste do pezinho ampliado.

Fonte: Divulgação Governo do Rio Grande do Sul




4 visualizações0 comentário